Mais um Dia dos Namorados, e você aí…

Sozinha!

solteira

Pode ir desativando o botão do desespero e relaxar. Minha amiga, isso é absolutamente compreensível.

Não sei se são os lugares que tenho frequentado, ou os que tenho deixado de frequentar (acontece com vocês? Toda vez que não vou a um lugar, a balada é (dizem que é) perfeita, cheia de aspirantes a genro dos meus pais e coisas do tipo – paciência, ainda não dá pra voltar no tempo! ahahah), mas é fato que a safra masculina hétero (que no caso, é o meu foco) está estragadinha, quase podre! (ahahaha)

A idade/ maturidade chega, e a exigência vem grudada. É aquela coisa, agora só interessa o que for incrivelmente incrível. Se não for assim, melhor não ser NADA!

E há quem diga que “estamos escolhendo demais”… mas não é bem assim! Pra que se meter em confusão, se voce pode ficar tranquila? Só pra provar pra sociedade que é capaz de ter um par? Tão demodê! Estar feliz consigo mesmo, é a tendência – seja só ou acompanhado. Aquela história de se divertir com os errados enquanto não acha o certo, também não cola! Desrespeito por si mesmo. Afffffff, meu povo! Bom senso funciona bem nesses casos.

Então só resta curtir “o nada” – que já pode ser o TUDO! Tem coisa melhor do que uma baladinha com amigos? Dançar, rir, brincar até doer os pés e barriga?

Tá bom! Tem sim, coisas igualmente encantadoras e perfeitas – curtir “o NADA ou o TUDO” com o amor, por exemplo. But, “nem tudo é como você (eu, nós) quer…”

esperando

A vida como ela é:

Nessa saga – odisséia da busca pelo amor, vamos vivenciando situações, aprendendo e compreendendo porque ainda estamos assim,  à espera.

No último fim de semana, estava curtindo uma festa com algumas amigas, quando de repente fui abordada por um sujeito (transcrição do dialogo abaixo – se é que isso pode ser chamado de diálogo).

– Oi! Você é linda! Posso te beijar! ( a essa altura, o nome pouco importa). – Oi! Não, você não pode me beijar! (Tom de voz doce e face serena) – Você prefere ficar sozinha do que comigo?! ( surpresa e indignação estampada na face). – Prefiro! (Resposta fornecida prontamente acompanhada de um grande sorriso). – Menina, você é podre! (Face de malvadeza, bad bad boy).

Ahahahahaha … ai gente, eu sofro mais do as Marias de Thalia!

beija sapo

 

É por essas e outras (do tipo e/ou piores) que compreendo BEM minhas atitudes, consigo discernir BEM o que eu quero pra minha vida, e há algum tempo não me iludo mais com uma “armadura” sarada e bonitinha. Conteúdo interessante, humildade e ambição na medida exata, espiritualidade e fé em Deus, respeito, integridade ! Enfim,  só desejo o básico, porque o perfeito não existe!

 

perfeito

Uma amiga me mandou um post muito legal, do blog Humor Feminino, que fala sobre As Fases da Mulher Solteira! Confiram:

Recem Solteira

Solteira

Solteira Captura de tela 2013-06-06 às 11.10.55 Captura de tela 2013-06-06 às 11.11.06

Está solteira? Se sim, qual dessas fases você está vivendo?

Vamos combinar, ninguém vai ficar se fazendo de coitadinha nas redes sociais. Todo ano tem Dia dos Namorados em 12 de junho. Se estiver solteira nesse, pode ir sossegando a piriquita e mentalizando que estará com o seu princípe no próximo ano…você tem 365 dias pra agilizar isso aê!

espera de um milagre

fica a dica dia dos namorados

Salve Santo Antônio – o santo mais requisitado dos últimos tempos (tá ocupado, hein Tonho???).

Ele é festejado no dia 13 de junho. Então é hora de pedir com mais fé, porque até assim tá complicado, rs – já fiz um post falando sobre as simpatias para este dia! De qualquer forma, segue a oração:

santo antonio

Boa sorte!

Se der certo, conta pra gente!

😉

E quando você menos esperar …

Anúncios

Puts Puts

O final de semana se aproxima, e a galera se agita (ahahaha) – start nos preparativos para curtir as baladinhas, um “puts puts”! Afinal de contas, dizem as boas línguas, que:

todo mundo espera alguma coisa de um sábado a noite.

Belezaaaa! Mas esse bla bla bla todo,  é só pra falar de uma música que me apresentaram: CALMA AÍ – Marcos e Belutti and Fernando e Sorocaba!

Gente, eu simplesmente AMEI o “conceito” dessa música. Passa a ideia, principalmente no clipe, de que $tatus não é tudo – para todas! Em toda regra existe exceção, ou seja, há mulheres inteligentes e espertas, que se encantam com outros tipos de valores.

 

Acho que vale como reflexão, né? Se não, vale pra dar uma animadinha no ínicio de FDS!

Beijos e divirtam-se!

A “sútil” diferença …

É nítida a  “pequena-enorme” diferença que existe entre homens e garotos!

Não! Eu não estou falando de idade. Até porque e ainda bem, há exceções em todas as regras. Inclusive,  sei de alguns poucos “pirralhinhos” que possuem maturidade admirável e vários “quase idosos” que tem a mentalidade de bebê (que os bebês me perdoem). Mas isso não vem ao caso agora!

Como já contei em outras oportunidades, tenho a mania de prestar atenção, analisar letras de músicas e relacioná-las com situações do cotidiano. Por conta desses devaneios musicais, eis aqui mais um post da série MÚSICAS QUE NOS FAZEM REFLETIR:

Roberto Carlos – o rei, conseguiu descrever o sonho/grande desejo da maioria das mulheres na letra da canção que embala o casal protagonista da nova novela das oito da Rede Globo.

Confesso que essa música me trouxe esperanças, ahahaha! Em algum lugar do universo deve ter pelo menos UM representante dessa raça: Homem de verdade. (OK! Não precisa ser exatamente igual a música – eu particularmente, detesto grudinho. Mas se for similar, tá ótimo!)

Do outro lado da moeda, uma “Pérola da MPB”, com alto teor machista, mostra claramente a necessidade que algumas pessoas do sexo masculino, inclusive com mais (ou muito mais) do que 20 e poucos anos, porém bastante imaturos e idiotas – tem de autoafirmar-se como garanhões e pegadores.

As perguntas que não querem calar:

– Por que um sujeito desses entra em um relacionamento?

– Por que a namorada merece ser traída enquanto vai ao banheiro da balada? (O que vai ter de coleguinha ciumenta com medo de ir ao banheiro depois dessa, nossa…ahaha).

– Então vale a pena trocar uma garota legal (se é namorada, o sujeito deve ter visto pelo menos uma coisa boa na moça) pela gostosona que vai pra balada pra se oferecer para os moços compromissados?

Muita podridão! Desrespeito.  Só sendo muito moleque pra se submeter a uma coisa dessas.

E outra, os garanhões se esquecem que muita coisa pode acontecer no caminho até o banheiro. E ainda, que eles próprios também vão ao banheiro e aí são as digníssimas namoradas que ganham os tais minutinhos de solteira. Vale se lembrar sempre daquela historinha de se colocar no lugar do outro, pelo menos por alguns instantes.

É como diria Batoré: “tem gente que pensa que é bonito ser feio”.

Quero deixar claro que apesar de NÃO julgar quem faça, NÃO sou a favor da atitude descrita na letra do “arrocha” acima. Mas, viva a RECIPROCIDADE

Bom, acredito que o negócio é orar e pedir a Deus que nos livre dos males e dos maus… e esperar o encontro com “O CARA” – coisa raríssima!

E pra quem já encontrou: jogue as mãos para o céu, agradeça muito e faça por onde mantê-lo assim!

Good Luck!

Beijos e até mais!

😉

Pra ser feliz…

Oi gente! Tudo bem com vocês?

Passadinha mega rápida pra compartilhar uma música que me chamou bastante atenção.

 

Da série música que nos fazem refletir:

 

As vezes é mais fácil reclamar da sorte, do que na adversidade ser mais forte…

 

 

Tenho me perguntado:

Pra ser feliz, do que o ser humano necessita? O que é que faz a vida ser bonita?

A resposta, onde é que está escrita?

 

 

Linda, né?! Uma lição em forma de canção.

 

 

Beijos e até breve!

😉

A hora e a vez das FIONAS. Será?

Ao que tudo indica as princesas decidiram mesmo deixar de lado o tal do príncipe encantado, que chegaria garboso e apaixonado, montado em um cavalo branco.

 

 

Da série músicas que nos fazem refletir… e rir:

 

Cansadas das desilusões e decepções, e cada vez mais confiantes em si próprias, reconhecem o seu real valor (ou não), dão adeus ao estereótipo de boas moças – calmas, recatadas, dependentes e submissas, praticamente inertes, para ser tornarem moças boas.

Sabe aquela princesinha antiga
Do tipo sempre passiva que acordava com um beijo?
Pois é os tempos mudaram bastante nada mais é como antes,
Ela é dona dos desejos.

 

Branca de neve passou, e a Cinderela ficou,
Princesa agora é do tipo Fiona!

Minha princesa, bebe cerveja,
Sobe na mesa e pira o cabeção.

O nosso conto de fada começa numa balada.
Foi Deus que pôs essa mulher na minha vida! 

Cara metade, minha alma gêmea,
Eu sou cachaça ela é o meu limão.

 

Que mané príncipe, eu quero o lobo mau:

 

 

Vou parar com as noitadas de beber:

 

 

É isso mesmo produção?

 

 

A maioria dos homens é extremamente machista e afirma que mulher, do tipo que sobe na mesa e pira o cabeção, serve apenas para uma aventura sem importância e nada de compromisso. E que as garotas que são pra casar, são as comportadas.  Ou seja, é possível que logo menos o Shrek finja ser gás e vaze! 

Príncipes encantados realmente não existem e infeliz será a cidadã que ainda estiver esperando por um, mas será que todas as garotas estão preparadas para serem Fiona?! Será que querem e estão preparadas – mesmo – para serem só o limão e parceiras de baladas na vida de um ogro?

Você é ou conhece algum cara que aceite muuuuuuuito bem a namorada (ou noiva, esposa) mega causar na balada?

😉